Globalização: O uso da Antropologia Unicista

Antes da abordagem unicista a antropologia se focalizava em explicar o comportamento humano para compreendê-lo e atuar em conseqüência. Isto fez da antropologia uma ferramenta higiênica para o uso nos negócios.

A antropologia unicista está focalizada em prognosticar a atividade humana a partir do conhecimento dos mapas ontogenéticos que definem as atitudes e as intenções dos homens. Esta integração dos conceitos que definem as atitudes e a ética que define as intenções abriu um novo nível de conhecimentos que permite ter a informação para atuar no meio.

“A Antropologia Unicista é o estudo científico do comportamento do ser humano e a análise estrutural de seus atos para prognosticar sua evolução.

Investiga a evolução do homem como espécie, e como indivíduo, assim como a evolução de suas instituições. Estuda ao homem, sua ação e sua transcendência como um “campo unificado”.

Sua ferramenta principal é a aplicação da teoria unicista de evolução, a lógica Unicista, e as leis de evolução de indivíduos, instituições e culturas.

Investiga os conceitos intrínsecos e extrínsecos que operam como “drivers” de culturas e de indivíduos para utilizá-los como base para a descrição causal-conceitual de uma realidade para poder prognosticá-la.

Estrutura conceitualmente os tabus, mitos e utopias que influem na ação do homem.

Seu objetivo principal é prognosticar as condutas de indivíduos, instituições e culturas, para influir basicamente em sua evolução.”

Aceda desde: http://www.unicist.com/books-pages/br/globalization_br_ebook1.php
Primeiro precisará registrar-se em: http://www.unicist.com/index-br.php

NOTA: The Unicist Research Institute foi pioneiro na investigação em ciências da complexidade e se transformou em uma organização mundial descentralizada de investigação, de classe mundial, no campo dos sistemas adaptativos humanos.
http://www.unicist.org/br/turi_br.pdf

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *